Casos Clínicos

Lateralização do nervo alveolar inferior

23/12/09 08:59


LATERALIZAÇÃO DO NERVO ALVEOLAR INFERIOR
A região posterior da mandíbula apresenta o feixe vásculo nervoso alveolar inferior como o acidente anatômico de maior importância e que muitas vezes traz limites à instalação de implantes na região.
Exodontias traumáticas ou por problemas periodontais avançados, bem como exodontias precoces, podem levar a uma acentuada reabsorção do rebordo alveolar levando a uma aproximação da tábua óssea oclusal com o feixe vásculo-nervoso. Nessas situações a instalação dos implantes fica muito limitada, já que devemos respeitar esse acidente anatômico.
Dentre os procedimentos que podem ser usados para contornar esse problema é a cirurgia para lateralização do nervo alveolar inferior. Esse procedimento objetiva, por via cirúrgica, deslocar o feixe vásculo nervoso do interior do corpo da mandíbula para uma posição mais vestibular a fim de abrir espaço para a instalação dos implantes.
Esse procedimento requer um treinamento avançado do cirurgião e um completo esclarecimento do paciente frente aos possíveis efeitos decorrentes do ato cirúrgico, como a parestesia(temporária na maioria dos casos).
O caso clínico abaixo foi realizado durante o curso de Especialização em Implantodontia – Poços de Caldas_MG .
Na sequência abaixo verificamos na foto 1, após a elevação de retalho mucoperiostal, a evidenciação do forame mentoniano e a projeção do feixe vásculo-nervoso.
Na foto 2 verificamos o início da osteotomia ao redor do forame com a finalidade da sua remoção(foto 3). Após a remoção do forame se procede a osteotomia na tábua óssea vestibular para o deslocamento completo do feixe do interior da mandíbula(fot 4), possibilitando a instalação de implantes Neodent Titamax TI cortical 3,75 x 11mm.



Leia outros casos

Escola Odonto: Rua Padre Francis Cletus Cox, 530 - Jd. Country Club
Poços de Caldas MG - Fone (035) 3722-1747 | Desenvolvido por Agência Cervantes |
Adaptado por ID Sistemas Digitais.